One Way

One Way Capítulo 8: Road Movies

Por: Henrique Benitez Lopes | 15/05/2020

2020 continuamos com excelentes conteúdos no liketour. Além, do já conhecido liketour cast, teremos novos conteúdos, com mais dicas e histórias de viagens para você.  Uma delas é a série de textos diversos com histórias e dicas de viagens, batizada de One Way*.

No capítulo 8 do liketour One Way, em tempos de quarentena, onde os cinemas estão fechados, voos cancelados e estradas bloqueadas, nós indicamos oito Road Movies para você (re) assistir e podermos viajar de forma alternativa. 

Road Movies, ou filmes de estradas, é um gênero cinematográfico no qual os personagens saem da sua cidade para uma viagem, geralmente alterando a perspectiva de suas vidas cotidianas.  O critérios dos filmes selecionados nesta lista são filmes que tiveram pelo menos uma indicação ao Oscar. 

 

 

Green Book: O Guia (2018)

Começando as indicações para os amantes de música e viagens. Quando Tony Lip, um segurança ítalo-americano, é contratado como motorista do Dr. Don Shirley, um pianista negro de classe alta, durante uma turnê pelo sul dos Estados Unidos, eles devem seguir o “O Guia” para levá-los aos poucos estabelecimentos que eram seguros para os afro-americanos. Confrontados com o racismo, o perigo – assim como pela humanidade e o humor inesperados – eles são forçados a deixar de lado as diferenças para sobreviver e prosperar nessa jornada.

Oscar: Melhor Ator (Viggo Mortensen) e Melhor Montagem (Indicado).

Melhor Ator Coadjuvante (Mahershala Ali), Melhor Filme, Melhor Roteiro Original (vencedor).

Ouça também: https://www.liketour.com.br/like-tour-cast-047-viajando-por-musica/

 

 

Mad Max: Estrada da Fúria (2015)

 Uma perseguição no deserto de um futuro despótico. Assombrado por seu turbulento passado, Mad Max acredita que a melhor maneira de sobreviver é vagar sozinho. No entanto, ele é levado por um grupo em fuga através de Wasteland em um War Rig (carro de guerra) dirigido por uma Imperatriz de elite chamada Furiosa. Eles estão fugindo de uma cidadela tiranizada por Immortan Joe, que teve algo insubstituível roubado. Enfurecido, o senhor da guerra convoca todas as suas gangues e persegue os rebeldes impiedosamente na estrada de guerra que se segue.

Oscar: Melhor Filme, Melhor Diretor, Melhor Fotografia, Melhores Efeitos Visuais (indicado).

Melhor Edição de Som, Melhor Mixagem de Som, Melhor Direção de Arte, Melhor Maquiagem e Penteado, Melhor Figurino e Melhor Edição (vencedor).

 

 

Nebraska (2013)

Viajar a pé para resgatar um premio de loteria, e de quebra representar os filmes em preto e branco. Woody Grant (Bruce Dern) é um homem idoso que acredita ter ganho US$ 1 milhão após receber pelo correio uma propaganda. Decidido a retirar o prêmio, ele resolve ir a pé até a distante cidade de Lincoln, em Nebraska. Percebendo que a teimosia do pai o fará viajar de qualquer jeito, seu filho David (Will Forte) resolve levá-lo de carro. Só que no caminho Woody sofre um acidente e bate com a cabeça, precisando descansar. David decide mudar um pouco os planos, passando o fim de semana na casa de um de seus tios antes de partir para Lincoln. Só que Woody conta a todos sobre a possibilidade de se tornar um milionário, despertando a cobiça não só da família como também de parte dos habitantes da cidade.

Oscar:  Melhor filme, Melhor diretor (Alexander Payne), Melhor ator (Bruce Dern), Melhor atriz coadjuvante (June Squibb), Melhor roteiro original, Melhor fotografia (indicado).

 

Sideways: Entre Umas e Outras (2005)

Viajar para beber vinho, hoje em dia é uma das rotas mais procuradas hoje em dia. Miles Raymond (Paul Giamatti) é um homem depressivo, que tenta se tornar um escritor. Miles é fascinado por vinhos e decide dar como presente de despedida de solteiro a Jack (Thomas Haden Church), seu melhor amigo, uma viagem pelas vinícolas do Vale de Santa Inez, na Califórnia. Eles partem juntos na viagem, mas logo se envolvem com duas mulheres. Jack conhece Stephanie (Sandra Oh), a funcionária de uma vinícola local, que faz com que ele queira anular seu casamento, que está marcado para daqui a poucos dias. Já Miles se interessa por Maya (Virginia Madsen), uma garçonete que tem o mesmo apreço por vinho que ele.

Oscar: Melhor filme, Melhor diretor (Alexander Payne), Melhor ator coadjuvante (Thomas Haden Church), Melhor atriz coadjuvante (Virginia Madsen).

Melhor roteiro adaptado (vencedor).

Ouça também: https://www.liketour.com.br/like-tour-cast-043-o-canal-do-vinho-com-jessica-marinzeck/

 

 

Diários de motocicleta (2004)

Representando a América Latina e  os motoqueiros. Che Guevara era um jovem estudante de Medicina que, em 1952, decide viajar pela América do Sul com seu amigo Alberto Granado. A viagem é realizada em uma moto, que acaba quebrando após 8 meses. Eles então passam a seguir viagem através de caronas e caminhadas, sempre conhecendo novos lugares. Porém, quando chegam a Machu Picchu, a dupla conhece uma colônia de leprosos e passam a questionar a validade do progresso econômico da região, que privilegia apenas uma pequena parte da população.

Oscar: Melhor roteiro adaptado (indicado). 

Melhor canção original (vencedor).

Ouça também: https://www.liketour.com.br/like-tour-cast-028-viajando-de-moto/

 

 

Central do Brasil (1998)

Ultimo filme brasileiro indicado ao Oscar de Melhor Filme Estrangeiro. Dora (Fernanda Montenegro) escreve cartas para analfabetos na estação Central do Brasil. Uma das clientes de Dora é Ana, que vem escrever uma carta com o seu filho, Josué, um garoto de nove anos, que sonha encontrar o pai que nunca conheceu. Na saída da estação, Ana é atropelada e Josué fica abandonado. Mesmo a contragosto, Dora acaba acolhendo o menino e envolvendo-se com ele. Termina por levar Josué para o interior do Nordeste, à procura do pai. À medida em que vão entrando país adentro, esses dois personagens, tão diferentes, vão se aproximando. Começa então uma viagem fascinante ao coração do Brasil, à procura do pai desaparecido, e uma viagem profundamente emotiva ao coração de cada um dos personagens do filme.

Oscar: Melhor Filme Estrangeiro e Melhor Atriz (indicado).

 

 

Apollo 13: Do Desastre ao Triunfo (1995)

Saindo da estrada e indo para o espaço sideral. Três astronautas americanos a caminho de uma missão na Lua sobrevivem à uma explosão, mas precisam retornar rapidamente à Terra para poderem sobreviver, pois correm o risco de ficarem sem oxigênio. Além disto existe o risco de, mesmo retornando, a nave ficar seriamente danificada, por não suportar o imenso calor na reentrada da órbita terrestre.

Oscar:  Melhor filme, Melhor ator coadjuvante (Ed Harris), Melhor atriz coadjuvante (Kathleen Quinlan), Melhor roteiro adaptado, Melhor trilha sonora, Melhor direção de arte, Melhores efeitos (indicado).

Melhor edição e Melhor som (vencedor).

Ouça também: https://www.liketour.com.br/like-tour-cast-064-viajando-para-lua/

 

 

Trilogia De volta para o futuro (1985 -1989)

Terminando com ciência e ficção cientifica, finalizamos saindo da estrada e para viajar com carros voadores através do tempo.  Marty McFly é um adolescente típico americano dos anos 80. Acidentalmente ele viaja de volta no tempo para 1955 em uma máquina do tempo inventada pelo cientista maluco Dr. Brown. Durante sua incrível viagem ao passado, Marty tem como missão fazer com que seus pais ainda adolescentes se conheçam e se apaixonem. Só assim ele conseguirá ter uma chance de voltar ao futuro.

Oscar:  Melhor Canção Original, Melhor Roteiro Original e Melhor Mixagem de Som (indicado).

Melhor Edição de Som (vencedor). 

 

 

One Way*: No jargão do turismo é o identificador de tarifa e viagem só de ida.